Inquérito do caso jovem Igor é concluído pela Polícia Civil. Policiais militares foram indiciados.

11/10/2017 às 12:14 por Atualizado dia 20/10/2017 às 20:07

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), em Ouro Preto, finalizou, nessa terça-feira (10), o Inquérito Policial que apurou a morte de Igor Arcanjo Mendes, 20 anos. O fato ocorreu no último dia 15 de setembro, quando o rapaz e outros cinco amigos, que estavam dentro de um veículo, foram abordados em uma blitz policial. Um suspeito, de 29, foi indiciado por homicídio.

De acordo com as investigações, a vítima estaria a caminho de um show na cidade e estava sentado no banco de passageiro, ao lado do motorista. Os levantamentos apontam que entre o momento da ordem de parada do carro até o instante do disparo de arma de fogo, não haveria tempo suficiente para que as pessoas abordadas descessem do veículo.

Outros três investigados, ainda, foram indiciados por abuso de autoridade, prevaricação e por conduzir e ouvir menor de idade em procedimento militar sem a presença de represente legal.

O Inquérito foi concluído dentro do prazo legal e baseado em provas técnicas, consistentes nos laudos periciais e depoimentos dos envolvidos e testemunhas.

Assessoria de Imprensa da Polícia Civil de Minas Gerais


Comente com o facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *