Agora com vídeo completo! XIII Festival de Artes da APAE Ouro Preto-MG emociona plateia no Teatro Casa da Ópera

02/12/2017 às 15:08 por Atualizado dia 04/12/2017 às 14:04

Foto-XIII Festival de Artes da APAE Ouro Preto-MG
Crédito-João Paulo Teluca Silva

Assista vídeo!

Poucos ambientes conseguem ser tão democráticos quanto o circo, em matéria de arte. A palavra é originária do latim “circus” que significa circunferência. Nele, malabaristas, mágicos, equilibristas, mímicos, palhaços e uma gama diversa de artistas atuam de forma integrada, vencem barreiras, superam limites. Literalmente brincam com fogo. Domam as feras mais perigosas. É também nesse cenário lúdico que uma sociedade, muitas vezes embriagada por julgamentos e certezas, tenta se equilibrar para não cair no abismo do preconceito.  Na linha tênue do que é ser “normal”, essa palavra que oprime, impõe regras de conduta e insiste em rotular as diferenças.

Foi com esse espírito de inclusão e diversidade que a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Ouro Preto (MG) levou  à Casa da Ópera, na noite de quinta-feira (30), o seu XIII Festival de Artes. Com teatro lotado por espectadores de todas as idades, o tema escolhido para a apresentação, foi o universo circense.

O espetáculo foi montado com uma estrutura completa de cenografia e figurinos, bem como recursos de som e iluminação. Familiares, amigos da associação e comunidade em geral prestigiaram o elenco, que impressionou o público com sua desenvoltura e carisma. Fazendo uso de uma linguagem bem humorada e popular, o espetáculo levou à plateia muita emoção e possibilitou uma importante interação entre os atores e o público em geral.

A preparação

Bruno Chagas integra a Cia. da Gente. O projeto de extensão consiste em uma parceria entre a Fundação Gorceix e a UFOP. Realiza ações culturais com ênfase na ampliação da inclusão social e cultural. Chagas contou como se deu o processo de preparação para o espetáculo.

“O processo de criação seu de forma coletiva, a partir dos interesses dos alunos e do diálogo com os professores da associação. Através de um roteiro e de meses de ensaio. A dramatização tem uma importância fundamental na educação, ela permite ao aluno uma enorme sucessão de ideias e de aprendizados, onde podemos citar como exemplos: a socialização, integração,  criatividade,  coordenação e muitos outros”.

Deiselaine Costa foi uma das bailarinas do espetáculo circense. Ela contou que a preparação para a grande noite aconteceu durante todo o ano e que se sentiu muito emocionada durante o espetáculo. “No começo de cada ano nós já começamos a nos preparar para essa noite e sempre fazemos uma coisa diferente. Ano passado o tema foi Alice no País das Maravilhas. Estou ansiosa para saber o tema do próximo ano”.

Homenageados

O presidente da APAE Ouro Preto, Wilton Neves, agradeceu aos parceiros que contribuem para promover o bem estar e desenvolvimento da pessoa com deficiência. “A oportunidade de apresentar a vocês uma parte do trabalho realizado pela associação nessa noite é muito gratificante”. Wilton convidou os espectadores a conhecerem pessoalmente outros projetos realizados na APAE Ouro Preto.

Em seguida, certificados e troféus foram entregues pelo presidente aos parceiros da APAE que ao longo do ano contribuíram de forma expressiva para que a associação pudesse avançar no atendimento à pessoa com deficiência. Dentre os homenageados, estiveram presentes o maestro da fanfarra da APAE, Sérgio Vitorino Ribeiro; Hebe Gonzaga, amiga e parceira da APAE; Vicente Nolasco, superintendente administrativo da Secretaria Municipal de Educação e Tino Ansaloni, jornalista, diretor e fundador do Jornal Voz Ativa.

O prefeito de Ouro Preto, Júlio Pimenta, também presente no evento, afirmou ter se sentido impressionado com a beleza e desenvoltura dos alunos no palco. “O teatro ficou pequeno para uma apresentação tão grande, digno da Praça Tiradentes. Todos estão de parabéns pelo belo espetáculo”.

Sobre a APAE Ouro Preto

A APAE de Ouro Preto é uma Organização não Governamental (ONG), sem fins lucrativos que presta atendimento a pessoas com deficiência. Tem o objetivo de oferecer atendimentos de Educação, Saúde e Assistência Social, direcionados à melhoria da qualidade de vida da pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla e à construção da cidadania através de uma sociedade inclusiva.

Seja você também um amigo da APAE, o maior movimento social pela dignidade e inclusão das pessoas com deficiência.

A APAE Ouro Preto está localizada na Rua João Pedro da Silva, n. 155, Bauxita.

Telefone: (31) 3551-5699

Superação

O circo da APAE reuniu talentos diversos que se encaixaram de forma coesa no grande espetáculo e provou que o show sempre deve continuar. Com maestria e sensibilidade à flor da pele, os alunos da APAE Ouro Preto provaram mais uma vez que as “limitações” de um ser humano não os impede de ser ou de fazer algo belo.


Comente com o facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *